Investir em lojas comerciais para locação

12 minutos para ler

O investimento em imóveis é o segundo mais procurado dos brasileiros, ficando atrás apenas da poupança

Investir em imóveis já se tornou uma febre entre aqueles que procuram opções mais seguras para aplicar seu dinheiro. Inclusive, mesmo os que fazem investimentos bancários também buscam investir no mercado imobiliário e analisam propostas que consideram interessantes para terem garantia de rentabilidade.

Isso porque o mercado imobiliário brasileiro é muito valorizado e está em ascensão, ganhando espaço entre outros setores e fazendo com que os imóvei, como as salas comerciais, se transformem em uma atração para os investidores.

As possibilidades são muitas: comprar um apartamento para locação, verificar lojas comerciais a venda, investir em terrenos e apartamentos a preço de custo, vender imóveis já com melhorias que os valorizem… A criatividade e disponibilidade de capital financeiro é que mandam!

Nesse sentido, assim como quem compra imóveis para locar e obter um rendimento extra todo mês, alguns investidores optam por investir em lojas comerciais, já que o saldo positivo pode ser ainda mais vantajoso.

No entanto, muita gente se pergunta como fazer esse tipo de investimento, quais cuidados precisam ser tomados e as vantagens de aplicar em uma loja comercial. Você, por exemplo, saberia responder a esses questionamentos?

Se ainda há alguma dúvida, fique tranquilo! Pois neste artigo, explicaremos em mais detalhes como funciona o processo de investimento de imóveis, quais desafios estão relacionados e como investir em lojas comerciais para alugar. Acompanhe o que preparamos com atenção!

Motivos para investir em imóveis para locação

O aluguel de um imóvel nada mais é que um retorno quanto ao investimento realizado. Tal condição faz com que as pessoas apliquem seus fundos bancários ou suas economias em unidades para locação, como apartamentos ou lojas comerciais.

Em 2019, o Índice FipeZap apontou que, os investidores que optam por comprar um imóvel com o objetivo de colocar para locação, conseguem um retorno médio anual de 4,64%. No caso das lojas comerciais, essa porcentagem sobe um pouco, passando para 5,34%.

Isso demonstra a segurança tão almejada por quem quer fazer aplicações, mas tem medo de correr riscos ou investir seu dinheiro de maneira equivocada.

Ainda que a poupança seja a preferência de muitos, os imóveis ocupam a segunda posição quando o assunto é investimento, uma vez que o lucro e a rentabilidade são maiores e mais atrativos.

Entretanto, para considerar investir em um imóvel para locação, é preciso analisar e colocar na balança as vantagens e desvantagens dessa aplicação, para que suas expectativas sejam supridas e gerem o lucro esperado.

Vantagens e desvantagens

Investir em imóveis para alugar tem inúmeras vantagens, como a renda fixa da locação. Aliás, pessoas que fazem tal aplicação e estudam atentamente esse ponto, conseguem até viver apenas do aluguel de seus inquilinos.

A alta procura é indiscutível, especialmente se o imóvel tiver uma boa localização. Mesmo que aconteça algum problema com um inquilino, outros estarão procurando por um lugar bacana.

Outra coisa é que, enquanto o imóvel estiver alugado, ele estará valorizando devido às altas do mercado imobiliário no Brasil. Sendo assim, caso você precise se desfazer do lugar ou queira vender, terá facilidade no processo.

Entre as desvantagens, é possível mencionar a inadimplência de inquilinos. Este é fator preponderante quando se fala em locação, pois, dependendo da pessoa que alugar seu imóvel, há risco do não pagamento, seja por falta de dinheiro ou imprevistos, ou até mesmo por má fé.

A manutenção do espaço também é algo a se pensar. Um imóvel usado, por exemplo, provavelmente demandará reformas e reparos para que se torne apropriado e chame a atenção de possíveis locatários.

O investidor ainda deve avaliar que há períodos sem entrada de recursos, visto que o imóvel poderá ficar vago por algum tempo até que outro inquilino o alugue. Assim, será necessário pagar condomínio, IPTU, entre outros valores.

Principais desafios para quem quer locar imóveis

Por dentro das vantagens e desvantagens de investir em imóveis para locação, resta uma dúvida: será que se trata de um processo simples?

A resposta depende de infinitas variáveis, as quais podem até transformar o investimento em algo inviável. É o caso, por exemplo, de uma loja comercial, que precisa, necessariamente, ser alugada por empresas que conseguirão fazer uso dos espaços sem grandes problemas.

O fato é que diversos desafios estão envolvidos nesse tipo de investimento, mas eles podem ser facilmente revertidos quando analisados com cautela. Nesse sentido, iremos conhecer alguns deles na sequência para que você possa se preparar para enfrentá-los.

Encontrar um locatário compatível

Como mencionamos, quando colocamos um imóvel para alugar, encontrar um locatário pode ser fácil e rápido, mas achar uma pessoa que seja compatível com os seus interesses é uma tarefa árdua.

Para os imóveis residenciais, é preciso cuidar com inquilinos que fazem muito barulho, realizem atividades inadequadas, pequem em questão de educação ou não paguem corretamente, tanto o aluguel quanto as demais despesas.

Nos imóveis comerciais, o locatário deve se atentar quanto à atividade a ser realizada no espaço, pois o investidor precisa avaliar se o serviço prestado em sua sala comercial possui alvará e documentação em dia para não haver prejuízos.

Flexibilizar o preço para possíveis propostas

Com seu imóvel aberto à negociação para locação, você com certeza terá de lidar com sugestões de valores bem abaixo do que está pedindo. Em alguns casos, pode até ser vantajoso, mas, na maioria das vezes, vai fazer com que você saia perdendo.

No entanto, se o seu preço não estiver dentro dos padrões imaginados e você não conseguir um locatário dentro de determinado período de tempo, talvez precise flexibilizar nas propostas para atender à demanda e fazer jus ao investimento realizado.

Escolher uma imobiliária de confiança

Talvez soe bobo, mas encontrar uma imobiliária de qualidade é um desafio e tanto para quem quer alugar um imóvel, seja residencial, seja comercial.

Por esse motivo, ao abrir a opção de locar seu imóvel, o investidor terá a missão de escolher uma imobiliária que seja de confiança, tenha transparência nos processos e se preocupe com os envolvidos.

Nós, da Salute Imóveis, por exemplo, somos especializados em imóveis de alto padrão na região de Balneário Camboriú. Escolhemos cuidadosamente a nossa equipe para que os profissionais tenham capacitação e coloquem em prática a empatia com os clientes.

Caso esteja querendo alugar seu espaço na cidade e procure uma imobiliária segura, não hesite em entrar em contato com a gente!

Identificar um imóvel em potencial

Por último, mas não menos importante, é que, se você quer investir em um imóvel para locação, precisa considerar a localização do espaço, seus entornos, sua possível valorização, entre outras variáveis.

Desse modo, entra em jogo o desafio de encontrar um imóvel que atenda a essas especificidades e que realmente valha o investimento, pois, do contrário, é provável que sua aplicação financeira se torne uma grande dor de cabeça.

Mais ainda, em imóveis comerciais, é preciso que o espaço tenha uma estrutura adequada para suportar o dia a dia das empresas que usufruirão dele, sem a necessidade de adaptações e reformas valorosas.

Investimento em lojas comerciais para locação

Com os motivos, os desafios, as vantagens e as desvantagens de investir em imóveis para locação, precisamos falar, neste momento, a respeito de um ponto bem específico: o investimento em lojas comerciais.

Afinal, sabemos que, com o crescimento populacional, não são apenas os imóveis residenciais que ficam em evidência, pois as pessoas dependem do comércio e de serviços especializados para atenderem às suas necessidades. É aí que entram em cena as lojas comerciais.

Assim, se você quer se inteirar sobre o tema e ter segurança na hora de realizar um investimento desse molde, separamos algumas informações importantes a seguir para que possa fazer uma aplicação rentável. Confira!

Como funciona o processo?

Investir em lojas comerciais funciona da mesma forma que adquirir um imóvel residencial, por exemplo, mas certos detalhes precisam ser levados em consideração para se optar pelo imóvel comercial que melhor se encaixa com suas intenções e, principalmente, com seu bolso.

As possibilidades são variadas. Você pode escolher um galpão, um escritório, um conjunto de salas para a construção de uma clínica, um empreendimento comercial inteiro, terrenos que viabilizam negócios industriais, lojas em pontos mais movimentados, entre tantas outras.

O mais comum, porém, é que o investidor aplique seu dinheiro em salas e lojas comerciais, já que as chances de locação são maiores e, consequentemente, o retorno do valor investido pode ser mais breve.

Nesse contexto, adquire-se pontos comerciais em locais estratégicos. Quando o processo de compra e venda estiver finalizado e os imóveis comerciais forem regularizados, o investidor os coloca para locação.

Vale mencionar que, a depender do momento econômico, os as lojas comerciais à venda têm seus valores diminuídos. Por conta disso, ficar de olho nos sites imobiliários ou nos perfis de corretores de imóveis pode ser uma vantagem para a aquisição a um preço mais baixo.

Quais vantagens estão envolvidas?

Com relação às vantagens, podemos começar citando o fato de ser um investimento acessível. O motivo é bem simples: se você optar por uma loja comercial, o valor de venda não será tão alto quanto adquirir um apartamento. Ao alugar o espaço, seu dinheiro ainda será valorizado.

Investir em lojas comerciais também traz como ponto positivo a proteção econômica. Isso porque, mesmo que demore um pouco mais para serem alugadas, o contrato de locação tende a ser de quatro a cinco anos, com possibilidade de renovação em alguns casos.

A valorização é outro chamativo, uma vez que, mesmo em momentos de crise financeira, as pessoas ainda dependem do comércio para continuarem com suas vidas. Desse modo, um imóvel comercial é facilmente valorizado se tiver uma boa localização e for bem conservado.

Temos, ainda, as chances de troca ou rotatividade, ou seja, caso o imóvel comercial, em determinado momento, não lhe sirva mais, a facilidade de revenda é muito grande. Assim como você, outros tantos investidores procuram por esse tipo de investimento e terão interesse no espaço.

Por fim, há a questão da segurança financeira, já que as lojas comerciais, quando locadas, podem render até 0,5% a mais que um aluguel residencial.

Entretanto, para que todas essas vantagens realmente sejam observadas pelo investidor, é necessário cuidar com alguns pontos do processo. Vamos, então, conhecer que cuidados são esses e como evitar que a sua aplicação se torne inviável financeiramente? Vejamos!

Quais cuidados precisamos tomar ao investir em lojas comerciais?

Pode parecer que locar um imóvel comercial funcione da mesma maneira que alugar um apartamento residencial, mas se engana quem pensa desta forma. Inclusive, diversos investidores acabam fazendo um mal negócio por não se atentarem a esse tipo de diferenciação.

Essa tensão se dá porque uma sala ou loja comercial precisa ter a estrutura adequada para o comércio. Por isso, faça um levantamento de quais setores ou tipos de atividades se interessariam pelo espaço.

Para além dessa compatibilidade, deve-se tomar cuidado com a localização do imóvel. Lembre-se sempre de que as lojas situadas perto dos centros das cidades são mais bem vistas e procuradas para locação que aquelas afastadas ou construídas em regiões com acesso precário ou inseguras.

Se for possível, contrate um analista ou uma assessoria especializada para que eles consigam verificar a possível rentabilidade do espaço.

Atente-se, também, há possibilidade de valorização. Locais com construções recentes ao redor, presença constante da população, áreas de lazer e opções de transporte acabam por embutir valor no seu imóvel comercial.

Finalmente, não feche negócio sem visitar o espaço e se certificar de que ele está regularizado, apresenta boas condições de conservação (caso seja usado) ou possui a planta aprovada (caso seja novo).

Conheça Balneário Camboriú e invista na cidade dos arranha-céus

E você? Conseguiu compreender melhor a respeito do assunto com as informações que trouxemos ao longo deste artigo? Esperamos que tenha sanado todas as suas dúvidas e conquistado mais segurança para aplicar o seu dinheiro em imóveis comerciais.

Para ficar por dentro de tudo o que acontece no mercado imobiliário de Balneário Camboriú e região, assine nossa Newsletter e não perca nenhuma novidade. Até a próxima.

Posts relacionados

Deixe um comentário